acid baby

05h00 AM

Imagem relacionada

 A luz vem tímida, dando à cúpula roxa do céu pinceladas de uma claridade rosada. A noite é uma respeitosa e charmosíssima idosa e a manhã, uma criança graciosa. A sábia velhice da noite cede, lenta e lindamente, à jovialidade fresca da manhã; os galos e pássaros anunciam com entusiasmo o dia recém nascido. O ar cheira à sol; um perfume que mescla todos os quatro elementos numa união tão harmoniosa que envolve, abraça e sussurra: é tempo de recomeçar. Posso jurar que ouço essas exatas palavras ao pé do ouvido, numa voz morna e maternal, tão maternal como só a terra — mãe de todos — pode ser. Tão hipnotizada neste enleio, mal percebo a partida silenciosa da escuridão: dou por mim e já fez-se plena luz. Respiro e inspiro tamanha calma que torno-me inteira mansa; minha pele faz-se folha e alimento-me da pureza solar. O amanhecer traz consigo uma paz única; ensina a ser. Tem em si esse sentimento de (re)nascimento tão único; derrama vida sobre a vida.

Um comentário:

♥ sinta-se à vontade, meu amor, mi casa es su casa. só lembre-se: respeito acima de tudo. ♥